MINHAS REFLEXÕES SOBRE DISCIPLINA

Ah, nossa missão de pais e mães ! Algo que não é nada fácil, e que cada vez eu vejo que teorias e ensinamentos são importantes. Precisamos buscar, conhecer, mas nossa vivência também nos diz muito.
Desde que descobri que me tornaria mãe, refleti muito na missão e na vida que levaria dali em diante.


Eu conto um pouco sobre essa descoberta nesse vídeo, já viu? 


Nos dias que vivemos atualmente esse é um ponto muito sério, porque eu pessoalmente há um tempo atrás via um abismo quando o assunto era disciplina. Talvez por tempos passados tudo ser rígido ao ponto de se chegar a questionar se disciplina era de fato associado a uma coisa boa.
Mas não tenho dúvidas da importância da disciplina no processo de educação.
Creio pessoalmente que ela é fundamental na formação de seres de caráter, cidadãos corretos, e no meu ver, principalmente como cristã, cidadãos do Reino.
É necessário instrução, regras, limites, admoestação em amor.
Há algumas semanas compartilhei esse tema em uma LIVE no meu INSTAGRAM sobre esse assunto, e resolvi expor aqui também minhas reflexões sobre o assunto.

Para mim, o processo da Educação, a disciplina deve estar presente. Acredito muito no ideal da disciplina positiva, e procuro aplicar no meu lar, começando por mim mesma.

Há alguns livros que tem me ajudado nessa caminhada. Em primeiro lugar, como Cristã, a Bíblia é meu principal guia na disciplina positiva.
Adotei também como livros que me instruem:

  • Orientação a Criança - Ellen G. White
  • Pastoreando o Coração da Criança - Teed Tripp
  • O Cérebro da Criança - Daniel Siegel e Tina Bryson
Livros que pessoalmente recomendo fortemente.
E nessa jornada de reflexão compartilho pontos que acho que te ajudará assim como tem sido pra mim, nesse processo de Educação (Disciplina)

A educação dos filhos é unicamente responsabilidade dos pais

Muitas vezes vejo pais reféns hoje da tercerização da Educação.
Nunca foi dito, que seria fácil o processo de Educação, mas saiba que essa responsabilidade é única e exclusiva nossa como pais.
Educar não se limita a cuidados básicos. Precisamos ter sempre isso em mente. Nossa responsabilidade é muito maior. Temos serzinhos em nossas mãos, e que cabe a nós moldá-los para serem pessoas de bem.

Coerência

Não consigo entender a ideia de educar se não houver coerência. Não posso fazer para meu filho fazer algo e ele me ver fazendo algo completamente diferente. Preciso viver o processo da Educação para que faça sentido. Aquela famosa frase: "Faz o que eu digo mas não faz o que eu faço", não funciona no processo de disciplina.

Repetição

Quando falamos de disciplina é necessário entendermos: precisamos ensinar constantemente. É através da repetição que nossos filhos irão aprender (assim como nós!)
sem dúvida em algum momento da nossa vida já estivemos em circustância de aprendizado e por quantas vezes repetimos o mesmo processo para aprender. Da mesma forma no processo de disciplina, precisamos exercitar a repetição para que haja aprendizado no ensinamento.

Criatividade

No processo da disciplina precisamos ter criatividade. Crianças não são robôs, assim como nós. E oferecer aprendizado de forma criativa, que vá de encontro com a sua linguagem é fundamental.

Comunicação

Precisamos também ao instituir a disciplina entender qual é a linguagem dos nossos filhos. Como se comunicar com nossos filhos. Nem sempre a forma que falamos com nossos filhos, do nosso jeito, alcança o objetivo da comunicação. Por isso a necessidade de entender a melhor forma de se comunicar e mais do que isso, aprender a OUVIR nossos filhos. 
Vivemos em um mundo onde não 'há tempo' para ouvir. Mas é necessário termos em mente que se não ouvirmos nossos filhos enquanto pequenos, quando se tornarem maiores, não terão desejo nenhum de dividir sua vida conosco.

Esteja bem com você mesmo

Se não estivermos bem conosco mesmo, nada dá certo.
Eu já vive momentos onde eu estava um caos emocionalmente e fisicamente e tudo deu errado. Por isso é necessário termos em mente a importância disso. 
Tire um tempo para fazer algo que gosta. Assistir um seriado, ou ler um livro. Atividade física ou simplesmente ficar atoa. Mas não deixe de cuidar de você mesmo. Assim é possível estar bem, buscar domínio próprio e entender a importância do seu papel na vida do seu filho.

Espero que esse assunto tenha sido útil para você. Compartilhe comigo suas experiências. Vou amar saber.





Comentários